Na primeira vez que vier a Copenhague

Gråbrødretorv 17-19 København
Gråbrødretorv, no centro de Copenhague. Image via Wikipedia

A tarefa de escrever uma lista com minhas recomendações sobre lugares que eu recomendaria a um amigo visitando a Dinamarca pela primeira vez levou mais tempo e ficou mais longa do que eu havia planejado inicialmente. Por isso decidi dividi-las em vários “postings”, que irei publicando nas próximas semanas.

Esta semana, para começar, uma lista com recomendações de lugares no centro ou bem perto do centro de Copenhague para um amigo que estivesse visitando a cidade pela primeiríssima vez.

Strøget e redondezas
Quando sinto falta de ver gente e ouvir um burburinho, vou à Strøget, a mais longa rua de pedestres do mundo, segundo os órgãos de turismo dinamarqueses. Com 1,1 km de extensão, a Strøget é formada pelas ruas Frederiksberggade, Nygade, Vimmelskaftet, Amagertorv e Østergade que, em sequência, ligam a Rådhuspladsen (a Praça da Prefeitura) à Kongens Nytorv (Praça Nova do Rei).

Turistas e artistas de rua fazem parte da multidão que diariamente enche a rua. Passar por ela é quase obrigatório se você quer ir de um lugar a outro no centro da cidade. Nela, as opções de lojas, algumas caríssimas, outras nem tanto, são uma tentação quase irresistível. Perto da Strøget há diversas atracões como a Catedral da cidade e a Rundetårn (Torre Redonda) que valem a pena uma visita. Reserve tempo para dar uma olhada na ruas próximas, como a Studiestræde, Kompagnistræde, Læderstræde e Fiolstræde, onde há lojas de pequenos comerciantes independentes das grandes redes, cafés e restaurantes frequentados por moradores da cidade.
Perto da Strøget fica também um dos meus lugares favoritos no centro da cidade, a bela e aconchegante Gråbrødre Torv (Praça dos Frades Grey).

Veja a localização desses e outros lugares que recomendo num mapa Google.

Próxima postagem nesta série: Itinerário real: Kongens Have, Kongens Nytorv, Nyhavn e Amalienborg

Enhanced by Zemanta
Anúncios

2 comentários Adicione o seu

  1. juatw disse:

    Muito legais as dicas! Estou indo para la no fim do mes e ficarei 3 dias, e eh bom saber o que a populacao faz normalmente e nao so os pontos turisticos.
    Abracos

    Curtir

    1. Muito obrigada, Juliana. Fico feliz que minhas dicas estão sendo úteis. Aliás, fevereiro é um ótimo mês para visitar Copenhague, apesar do frio. Durante todo o mês vai rolar um festival gastronômico de inverno que faz parte do Wondercool, uma série de eventos organizados para animar a cidade num mês em que as pessoas estão ficando cansadas do frio. Olha só http://www.visitcopenhagen.com/copenhagen/wondercool-2014. Curta bastante sua estada em Copenhague!

      Curtir

Seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s