Na primeira vez que vier a Copenhague: a Pequena Sereia, Langelinie, Kastellet

Dansk: Nærbillede af statuen på Gefionspringva...
Estátua da Fonte de Gefion. Foto de Håkon Pedersen via Wikipedia.

A primavera traz os turistas de volta a Copenhague e é portanto hora de retomar as dicas para quem pretende visitar esta bela cidade.

Você não foi a Copenhague se não viu a estátua da Den lille havfrue (Pequena Sereia), que representa a famosa personagem do conto de Hans Christian Andersen. Não fique decepcionado na primeira vez que visitá-la: a estátua é pequena, é preciso ter calma para conseguir tirar uma boa foto devido à faça sol, faça chuva multidão de turistas e a paisagem ao fundo não é fantástica, mas lembre-se: aquele é o maior símbolo da Dinamarca. Exercite sua paciência, aguarde uma chance e tire uma foto para marcar o feito. Se conseguir uma foto sem nenhum papagaio de pirata por perto, fará gol de placa.

Para fazer o passeio valer ainda mais a pena, ande cerca de 500 metros na direção norte para encontrar Langelinie, um calçadão com cafés e boas lojas de ponta de estoque.

Menos de 500 metros ao sul da Pequena Sereia, há um outro monumento bem mais impressionante, a Fonte de Gefion, que representa a deusa nórdica do mesmo nome na lida com quatro bois gigantescos. Segundo a mitologia nórdica, o rei sueco Gylfe deu à deusa Gefion todas as terras que ela conseguisse arar em um dia. A deusa transformou seus quatro filhos em bois e com eles arou tão profundamente que a terra cavada resultante do trabalho foi acumulada no mar existente entre a ilha de Fyn e a Suécia. Esse monte de terra teria dado origem à Sealândia, a ilha onde fica Copenhague.

No caminho para a bela fonte dê uma passada no Kastellet, uma cidadela construída por Christian IV no século XVI e atualmente usada pelo Ministério da Defesa da Dinamarca. Seus jardins, gramados e ruelas parecem um passeio ao passado e são abertos ao público.

Estátua A Pequena Sereia, em Copenhague. Foto
Estátua A Pequena Sereia, em Copenhague. Foto via Wikipedia.

Uma dica: se não quiser andar os cerca de dois quilômetros de distância do centro da cidade à Pequena Sereia, pegue um trem na estação de Nørreport e desça na estacão seguinte, a de Osterbro. De lá siga andando até a estátua. Assim você economiza mais ou menos um quilômetro de caminhada.

Enhanced by Zemanta
Anúncios

5 comentários Adicione o seu

  1. leonice disse:

    Sou louca pra ver a pequena sereia. Pequena só no tamanho, mas a importância e fama…

    Curtir

    1. É verdade. A estátua tem enorme valor simbólico para os dinamarqueses.

      Curtir

  2. Márcia Marmori disse:

    Apesar da Pequena Sereia ser o símbolo da Dinamarca, sem dúvida, a Estátua da Fonte de Gefion é bem mais interessante. Vale mesmo conferir!

    Curtir

  3. É verdade, Marilza. Copenhague é uma cidade bonita, especialmente na primavera.

    Curtir

  4. marilza disse:

    Copenhague deve ser mesmo uma cidade bonita!

    Curtir

Seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s